ongrace.com

> Mensagem de Hoje

19/12/2011 - O NOSSO ALVO

  • Envie por Email
  • Imprimir

Para o que, pelo nosso evangelho, vos chamou, para alcançardes a glória de nosso Senhor Jesus Cristo.

2 Tessalonicenses 2.14

Paulo fala de nosso Evangelho, demonstrando que a Boa Notícia que o Senhor Jesus mandou que pregássemos a toda criatura é de nossa propriedade. Na verdade, quando a Palavra de Deus nos alcançou, a voz do Altíssimo nos fez entender o plano da salvação e, pelo fato de ela ter sido enviada a nós, passou a ser um bem nosso. Como todo dom, o Evangelho que nos salva nunca nos será tirado.

As Boas-Novas nos chamam para uma série de bênçãos, sendo a maior delas a salvação da nossa alma. Uma vez salvos, se perseverarmos até o fim, jamais pereceremos. A salvação nos enriquece com aquilo que foi conquistado para nós: a cura divina (Is 53.4,5), o perdão dos pecados (Mt 9.6), a prosperidade (Ml 3.10), o acesso livre a Deus (Ef 2.18), dentre tantas outras dádivas das quais passamos a tomar conhecimento por meio da Palavra do Senhor. Tudo isso nos é dado gratuitamente.

Os salvos só precisam dar ouvidos à Palavra para que o Espírito Santo lhes abra o entendimento sobre o que lhes pertence em Cristo. Ao tomar conhecimento do que é seu, coloque aquilo como prioridade e, destemidamente, assuma com fé que irá cumprir-se. Não podemos exigir nada de Deus, mas, em Nome de Jesus, é possível ordenar que o mal vá embora. Além disso, devemos reivindicar que aquilo que nos foi prometido se materialize.

O nosso alvo é alcançar a glória de nosso Senhor Jesus Cristo, e isso é simplesmente demais, pois não há glória maior do que aquela da qual desfrutava o Filho de Deus. Imagine o que nos está sendo proposto: não temos de buscar a glória de Abraão, o pai dos fiéis, a qual já seria bem grande; nem a do rei Davi, que foi o maior governante da história de Israel; tampouco a de Moisés, o maior libertador e legislador que existiu. Temos de ansiar pela glória do Unigênito Filho de Deus, que é Deus junto com o Pai.

Jesus tinha livre acesso ao Altíssimo, e o Mestre não conhecia derrota, pois tinha a convicção de que o céu e a terra passariam, mas Suas palavras não (Mt 24.35). Ele sabia o que o homem pensava sem que alguém precisasse Lhe falar. O Filho de Deus jamais deixou de obter sucesso em Suas orações. Ele era Deus em todos os momentos, Senhor sobre todas as coisas e, ao mesmo tempo, homem como qualquer outro ser humano. Ele veio mostrar-nos o que pode acontecer com quem é fiel ao Pai.

Precisamos ter em mente o alvo que o Senhor deu a cada um de nós: buscarmos a glória concedida ao Salvador da humanidade. Cristo não deixou por menos, pois sempre a buscou e a exerceu com todas as Suas forças. Deus espera o mesmo de nós, para que O glorifiquemos.

Amigo, se você deixar passar a oportunidade de alcançar a glória de Jesus, estará em falta com o plano do Senhor para sua vida. No entanto, se buscá-la, dará adeus a todos os seus fracassos e boas-vindas às bênçãos divinas.

Em Cristo, com amor,

R. R. Soares

 

> Receba em seu e-mail

 

> Pedido de oração

Pedido de oração

> Missionário Responde

Deus mandou Moisés circuncidar crianças de 01 mes como sinal de aliança, não seria a mesma coisa com o batismo dos católicos? Olha, o Sr. está jogando um monte de gente...

Em primeiro lugar, a circuncisão era só para os meninos israelitas e era feita ao oitavo dia, não depois de um mês. Esse ritual NADA tem a ver com o batismo cristão, pois...

»VEJA MAIS

Produtos que abençoam vidas!

  • DVD Antes que seja tarde! Veja Mais
  • CD A Volta da Vitória - R. R. Soares Veja Mais
  • CD Passos de Fé - Joe Vasconcelos Veja Mais
  • Bíblia Ilustrada - Histórias Inesquecíveis Veja Mais
  • LIVRO E Foram Felizes Para Sempre... Veja Mais
Busca de produtos
Todos os direitos reservados à Igreja Internacional da Graça de Deus
Ongrace.com • O site do povo de Deus.